quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Divulgação: Corrida pela Cidadania Projeto Arrastão

Mais uma dica de corrida já tradicional no calendário paulistano, Corrida pela Cidadania Projeto Arrastão. Mesmo não podendo ir devido à outros compromissos no dia, vale divulgar as informações enviadas pelo organizador:

12ª Corrida pela Cidadania Projeto Arrastão e MPR

Projeto Arrastão e preparador físico Marcos Paulo Reis celebram 12 anos de parceria em prol da cidadania

Com uma parceria que completa 12 anos, o Projeto Arrastão e o preparador físico Marcos Paulo Reis lançam mais uma edição da Corrida pela Cidadania. O evento esportivo mobiliza recursos para a ONG. Este ano, a corrida será realizada novamente no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, no dia 7 de dezembro.

A MPR Assessoria Esportiva, empresa de Marcos Paulo Reis, e o Projeto Arrastão, organização que há 45 anos trabalha a promoção humana e o desenvolvimento da comunidade do Campo Limpo, se uniram há mais de uma década para realizar um evento esportivo que pudesse ser uma reunião de amigos, uma prática que incentivasse o esporte e também um momento de exercício da cidadania e da solidariedade. Desde a sua primeira edição, a Corrida pela Cidadania reverte parte de sua receita para o Projeto Arrastão. Esses recursos complementam outras fontes de apoio institucional da ONG, que realiza diariamente 1300 atendimentos para crianças, jovens e adultos da região.

Para a diretora do Projeto Arrastão, Selma Dau Bertagnoli, o evento é especial por sua trajetória e pelos anos de história de sucesso, sendo muito importante para a manutenção da organização durante o ano. "O Projeto Arrastão, a cada ano, necessita de forças e fôlego para dar continuidade à sua missão. A Corrida pela Cidadania, nesses 12 anos, tem assumido esse desafio ao nosso lado. Esse evento tem sido o nosso SPRINT para nos manter no pódio", explica a assistente social, que está à frente da organização há cerca de 30 anos.

De acordo com o preparador físico Marcos Paulo Reis, estar junto ao Projeto Arrastão há quase 13 anos é um desafio: “A causa e o projeto são mais do que nobres. Eu gostaria que cada um fizesse um pouquinho a mais pelo terceiro setor. Já ficaria bem feliz”. E motivação para continuar é o que não falta. Marcos Paulo entende a diferença que uma ação como essa pode fazer e, por isso, sabe que todo o esforço vale a pena. “São anos trabalhando ao lado de uma organização na qual confio totalmente e que consegue mexer com a história das pessoas do Campo Limpo”, completa.

Para este ano, o evento será dividido em duas etapas: a largada infantil, às 17h30, e a largada adulta, às 19h15, com estimativa de receber cerca de 1.600 participantes. Os inscritos para a corrida vão desde atletas profissionais e amadores, corredores de final de semana e crianças. O evento tem corrida de 6 km, caminhada de 3 km e provas infantis de 50, 100, 200 e 300 metros divididas por faixa etária, dos 3 aos 12 anos.

As inscrições já estão abertas e os envolvidos na organização andam trabalhando a todo vapor. “O Projeto Arrastão e a MPR tem, no seu DNA, elementos de muita resistência, fibra, tenacidade e uma imensa vocação em fazer a diferença. Esperamos que muitos amigos e parceiros nos apoiem, adquirindo cotas de patrocínio, e vários atletas se inscrevam e venham participar dessa grande festa da solidariedade. Afinal, ajudar também faz muito bem à saúde”, convida Selma.

Serviço

12ª Corrida pela Cidadania Marcos Paulo Reis e Projeto Arrastão
Informações: Projeto Arrastão, MPR Assessoria Esportiva e Iguana Sports
Data: 07/12/13
Local: Estádio do Pacaembu
Horário: 17h30 (corrida infantil) e
19h15 (corrida adulto)Sobre o Projeto Arrastão – Movimento de Promoção Humana

Fundado em 1968 por um grupo de voluntárias, o Projeto Arrastão é uma organização sem fins lucrativos que trabalha o desenvolvimento comunitário por meio de ações de promoção social, educacional e cultural, na região de Campo Limpo, zona sul paulista. Atualmente realiza cerca 1.300 atendimentos diários para crianças, adolescentes, jovens e adultos, somando cerca de cinco mil atendimentos indiretos por mês. A missão é formar cidadãos capazes de transformar a realidade e o meio em que vivem, sempre considerando o espírito coletivo de não dar o peixe, mas ensinar a pescar.

Conheça mais sobre o Projeto Arrastão acessando www.arrastao.org.br .


2 comentários:

  1. Respostas
    1. Que pena, bem nesta que eu não vou poder ir. Mas aproveitem, já participei em outro ano e a prova é bem legal.

      Boa corrida!

      Excluir