terça-feira, 15 de setembro de 2009

Desafio Dean Karnazes 24 Horas: eu fui!

Vamos começar pelo momento atual: minhas pernas ainda estão doendo. Mesmo assim, eu faria tudo de novo, aliás, me arrependo de não ter feito mais...

Por volta de 19:00 do dia 12/09/2009, o ultramaratonista americano Dean Karnazes e um seleto grupo de corredores partiu da Frutaria em Moema em direção à uma jornada de 24 horas correndo pela cidade de São Paulo. Com percurso dividido em trechos de aproximadamente 3 horas e distâncias que variavam de 22 Km a 33 Km, onde alguns corredores trocavam de lugar com outros, a expedição cobriu a capital paulista do Sul ao Norte ida e volta. Tive o privilégio de participar desta aventura no trecho compreendido do Mercado Municipal indo até a Zona Norte (perto de onde moro!) e voltando à Praça da República na região central, partindo exatamente à zero hora do dia 13/09. Meu humilde relato segue abaixo:

18:45 - chegamos à Frutaria, onde o alvoroço já era grande. Todos queriam uma foto ou autógrafo do Dean e a equipe da The North Face, patrocinador oficial do evento, corria para os últimos preparativos para o início do desafio. Consegui uma foto com o Dean e um autógrafo em seu novo livro, que ganhei de presente no kit do evento. Tive ainda tempo de cumprimentá-lo com um "Godspeed!" que ele efusivamente agradeceu com um aperto de mão e um "Thank you!". Na linha de partida conheci o Jorge do blog JMaratona, com quem sempre conversava através de e-mails e posts. Putz, conhecer duas celebridades da corrida em menos de meia hora! Foi dada a largada com corneta, fogos de artifício e muita festa. See you at The Mercado Municipal, Dean!

23:30 - achar um estacionamento aberto na região central em plena madrugada é uma tarefa árdua. Assim como o Dean descreve a "nave-mãe" em seus livros, meu carro é a minha base quando tem corrida, armazenando roupa seca, Gatorade e mais um monte de coisas. Tive que pegar um táxi para um percurso de 2 Km, correr nem pensar, a noite paulistana do Centro não é tão convidativa assim para fazer isto sozinho...

23:50 - cheguei ao Mercado Municipal. Enquanto caminhões descarregam produtos frescos para o domingo, o grupo de corredores já está lá... comendo pizza! E eu morrendo de dor na consciência de ter jantado (pizza) enquanto os caras detonavam uma atrás da outra!

00:15 - começamos pela Av. do Estado contornando o Mercado, para espanto dos caminhoneiros e seguimos pelas ruas do Centro. Quando percebi, o Dean estava ao meu lado. Ao chegar próximo do Pátio do Colégio, expliquei para ele que ali havia sido fundada a cidade, e ele ficou interessado e perguntou mais alguns detalhes. Cara gente fina, conversa com todos o tempo todo, não deixa ninguém de lado!

00:30 - estamos na Zona Norte, e quando passamos pelo Mc Donald's aqui perto de casa o Dean sinaliza que precisa usar o banheiro. Todos param: corredores, polícia, organização. Depois de vinte minutos, o Dean saiu do Mc, com um café daqueles cheio de misturas doces. "Very good!", diz ele, enquanto a maioria de nós engorda só de olhar...

01:15 - no Anhembi, cruzamos com o festival de música eletrônica Spirit of London. O pessoal vai ao delírio ao ver um bando de loucos correndo pelas ruas àquela hora. O Dean começa fazer menção de correr e dançar, o cara é ligado no 220V o tempo todo! Mais papo, é muito bacana conversar com ele, está sempre disposto a perguntar e comentar sobre qualquer assunto.

02:30 - estamos novamente na região central, próximo ao Bom Retiro. O Dean fica maravilhado com a estação da Luz, toda iluminada. Que pena que a região seja tão feia e perigosa. No final da R. José Paulino eu fiquei uns 100 m atrás do grupo, estava superaquecendo e o cansaço bateu. Fui nesta distância até o final, sempre com o apoio do pessoal da The North Face, que nos seguia com bicicletas e carros.

03:15 - chegamos na Praça da República! Segundo nosso navegador na bike, percorremos 22 Km. O Dean já estava no Mc Donald's com outro café daqueles. "So much for the healthy life!" eu disse para ele. Mas isto era só o começo, o cara ainda ia fazer um "lanchinho" com um monte de bugigangas que a organização disponibilizou.

03:30 - o grupo parte para a próxima etapa. Eu vou conversando com o Jorge até a R. da Consolação, onde está o carro e lhe desejo boa sorte. "Cara, você vai conseguir!", e como você já sabe, ele conseguiu.

03:35 - Voltei para o carro. No estacionamento, um bando de gente chegava toda arrumada para uma festa. E eu, suado, descabelado e com um sorriso de orelha a orelha. Expliquei para o manobrista o que era o evento e o cara pareceu não acreditar.

04:30 - estou em casa, roupas secando no varal, hidratado e com alguma coisa no estômago. Hora de dormir, daqui a 45 minutos o relógio desperta e eu vou para a Corrida Pela Paz, mais 8 Km...

19:00 - o grupo chega à loja da The North Face no Shopping Morumbi. Festa total, assédio das emissoras de TV e outros meios de comunicação. O Adriano Bastos está junto, após ter vencido a Corrida pela Paz também foi prestigiar o Dean. Mais fotos, e eu me despeço desta grande pessoa com a frase "You're the man!" e ele fica empolgado como sempre.

Nem vou ficar descrevendo muito a sensação deste evento todo, deixo para você imaginar.


Parabéns à todos que seguiram o Dean, não importando a distância.

Parabéns à Polícia Militar, pelo excelente trabalho de fechar os cruzamentos pelos quais passava o grupo e pela segurança prestada.

Em especial, parabéns ao pessoal da The North Face por toda a gentileza com que nos atendeu e toda a organização do evento, algo que eu nunca tinha visto antes. Agradecimentos especiais para a Paula, que teve toda a paciência do mundo comigo (isto não é nada fácil!) e que não deixou a peteca cair em nenhum momento.


Dean: you'll always be welcome in Brazil, don't forget about us. We certainly won't forget this adventure and all the great lessons you'd left for us. Once again, Godspeed, my friend!



6 comentários:

  1. Cláudio ... muito bacana mesmo !!!

    show ... algo para vida toda !!!

    Parabéns !

    ResponderExcluir
  2. Realmente..algo que ficara na memoria por muitos anos.

    ResponderExcluir
  3. PARABÉNS, Claudio! Realmente deve ter sido uma experiência inesquecível! O cara é um mito e um show de simpatia, de acordo com os inúmeros relatos nos Blogs daqueles que participaram do evento.
    Quem sabe um dia...

    Kleber RG - http://kleber-rg-runner.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Eeee, PARABÉNS! :)
    Super incentivo para correr mais e mais... rsrs

    ResponderExcluir
  5. Meu amigo Rinaldo excelente cronologia que fizeste quanto ao desafio 24 horas meus parabéns amigo...Que legal que agora não somos mais amigos virtuais...rsss...Adorei te conhecer meu amigo...Este desafio foi duro mais com a ajuda de DEUS e de vcs amigos eu consegui completar este desafio. Obrigado por tudo.
    E ai foi no lançamento do livro dele.

    Um abraço,

    Jorge Cerqueira
    www.jmaratona.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Sensacional seu relato Rinaldo.
    E tá certo vc não querer descrever muito este momento e deixar para nós imaginármos.
    Pode ter certeza que imaginei de um jeito maravilho, um momento único na vida de uma pessoa.
    Parabéns, e que vc possa sempre estar vencendo desafio por muito e muito tempo.
    Grande abraço e até sempre.

    tutta
    ubiratã-pr.
    www.correndocorridas.blogspot.com

    ResponderExcluir