sábado, 31 de outubro de 2009

Run For Your Life: como nasceu a Maratona de Nova York

No próximo domingo acontecerá a edição de número 40 da Maratona de Nova York, sonho de consumo da maioria dos corredores (meu, inclusive). Mas como nasceu um evento que atrai mais de 100.000 inscrições, onde são sorteados felizes 38.000 (de vez em quando este número varia) para correr 42 Km pelas ruas de Nova York? Se você tiver acesso ao fabuloso vídeo “Run For Your Life” (site oficial neste link), vai saber como surgiu este fantástico evento e se emocionar com a estória do homem por trás dele, Fred Lebow.

Trata-se de um documentário muito bem elaborado, mostrando desde as primeiras corridas organizadas por Lebow e o surgimento de uma das maratonas mais concorridas da atualidade, a qual temos o privilégio de ostentar 2 títulos de nosso Marilson Gomes dos Santos (tenho esperança de que este número esteja desatualizado até amanhã à tarde!). Também nasce aí o NYRR (New York Road Runners), talvez o clube de corredores mais organizado dos EUA na atualidade.

Com depoimentos de campeões como Frank Shorter, Bill Rogers, Grete Waitz e Alberto Salazar, a vida e a obra de Lebow são narrados de forma que o espectador entenda a importância cultural deste evento. A transformação de uma sociedade onde as mulheres não tinham voz ativa, os distritos de Nova York com áreas de extrema violência e uma cidade que crescia freneticamente sem algo que a unisse. É emocionante ver o efeito de uma corrida que atravessava os cinco distritos da cidade conseguiu ao unir o povo e a cultura local, afinal, “a Maratona passava na porta de cada um”, como o próprio vídeo explica.

Sobre o próprio Fred Lebow eu não vou comentar muito. O final é surpreendente e mostra a determinação deste homem que transformou o esporte. Aconselho você a não pesquisar sobre o assunto se vai assistir o filme, para não estragar o final.

Agora, fique realmente irado: aqui, só importado por sites como a Amazon.com (ou meios alternativos, por sua conta e risco). Apesar disto, o DVD possui legendas em espanhol, facilitando o entendimento.

Vamos torcer pelo Marilson e que mais pessoas como Fred Lebow ajudem a criar eventos desta magnitude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário