quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Mandei a editora da Runner’s para o Procon

Palhaçada tem limite, mas não com a Editora Abril. Durante anos os corredores aguardaram a chegada da revista de corrida mais tradicional do mundo, a Runner’s World, presente em diversos países e traduzida para muitos idiomas. No ano passado fomos agraciados pela bondade da Editora Abril em publicar as edições da conceituada revista, mesclando matérias traduzidas e outras originais do Brasil, acrescentando muito conhecimento à área de publicações de corrida. Mas nem tudo é perfeito...

Ganhei, nem lembro aonde, o folheto da foto acima prometendo uma exclusiva camiseta dry-fit para quem assinasse a revista por 1 ou 2 anos. Proposta tentadora, a camiseta é muito bonita (eu já havia visto alguns corredores usando por aí) e a revista sairia pelo preço de assinatura, ou seja, melhor que comprar avulso. Não resisti e assinei.

Ao contrário de editoras sérias como a Redijo da Contra-Relógio, que nos presenteiam com calendários, camisetas e bonés, durante mais de um mês aguardei a entrega do brinde e nada. Entrei em contato e recebi uma resposta seca dizendo que receberia “35 dias após o vencimento da segunda parcela da assinatura”. Guardei o e-mail ríspido e contei os 35 dias (corredores sabem lidar legal com números, tempos, etc., né?).

Pior, na tal publicidade dizia que o brinde seria entregue após 35 da primeira parcelas, não da segunda!


Na data estipulada, nada de brinde. Invoquei o Código do Direito do Consumidor, que em seu artigo 35 diz:
Art. 35 - Se o fornecedor de produtos ou serviços recusar cumprimento à oferta, apresentação ou publicidade, o consumidor poderá, alternativamente e à sua livre escolha:
I - exigir o cumprimento forçado da obrigação, nos termos da oferta, apresentação ou publicidade;
II - aceitar outro produto ou prestação de serviço equivalente;
III - rescindir o contrato, com direito à restituição de quantia e eventualmente antecipada, monetariamente atualizada, e a perdas e danos.

Comuniquei a editora sobre suas obrigações (e é claro, sobre os 35 dias...). Deram o prazo de entrega até 11/12/2009 e advinha, nada de brinde.

Eu não tenho cara de palhaço. O jeito foi comunicar o Procon sobre a atitude deles, devidamente munido de propagandas e e-mails. Agora a casa caiu, eu quero meu brinde.

E não renovo ou assino esta ou qualquer outra publicação da editora.

Nunca mais.

6 comentários:

  1. Não assino, prefiro comprar na banca. Sigo site da revista. Seu editor resolve muitos desses casos. Se ajuda aí vai:
    http://runnersworld.abril.com.br/blogs/correria/sao-silvestre-ii-213378_p.shtml#comments

    ResponderExcluir
  2. Rinaldo, parabéns pela nobre atitude, apóio a sua decisão, se todos tivessem a mesma atitude, isto não aconteceria, se todos os corredores fossem unidos isso também mudaria, bom isso não aconteceu comigo, mais aconteceu de outra maneira e ante de dar dor de cabeça cancelei a assinatura da Runners leia abaixo o que aconteceu comigo.

    Eu era assinante das seguintes revistas de corridas: Superação, O2, Contra Relógio e comprava algumas avulsas de outros títulos de corridas, só que resolvi deixar de assinar por alguns motivos: a primeira é que os assuntos estavam vindo repetidas, a 2ª estavam demorando a chegar na minha residencia, pois chegava primeiro nas bancas e olho que moro no Rio de Janeiro com milhares de bancas hein e 3º porque estava ficando sem espaço em casa...Dai veio o lançamento da Revista Runners World com uma boa promoção assinava um ano e recebia 2 ano, o primeiro, segundo, terceiro mês chegava na minha residência normalmente e daí depois só foi estresse, pois tinha mês que a revista não chegava e tinha que ligar várias vezes para Editora Abril e as vezes quando chegava, chegava quase no final do mês diante disso tudo resolvi cancelar a promoção da revista runners world e optei por comprar nas bancas só a revista contra relógio que é a mais antigas das existentes hj no mercado, com exceção este mês será 2 revistas compradas nas bancas, pois como saiu a minha matéria na revista O2 e ainda por cima com 2 páginas eu tive que comprar né...rsss...
    Bom é isso ae amigo, para não ter dor de cabeça mais eu só compro nas bancas...

    Um abraço e boas corridas.

    Jorge Cerqueira
    www.jmaratona.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Caramba,uma camiseta e eles ficam com essa palhaçada toda? Palhaçada e pouco tem que por a boca no trambone mesmo,amo correr mas existem coisas que não somos obrigados a passar.

    Bons kms
    Fabiana

    ResponderExcluir
  4. Amigo Cláudio. Sou assinante da Runner´s desde fevereiro deste ano e também não havia recebido minha camiseta de brinde – a tal “laranjinha” - até o mês passado, mas após enviar um e-mail diretamente ao editor da revista, Sérgio Xavier - por orientação dele próprio através de seu Blog Correria – recebi uma resposta no mesmo dia, me pedindo para informar meu código de assinante e os dados necessários para entrega do produto. E, em três dias, recebi minha camiseta! Não tive nenhuma “dor de cabeça”.
    Não sei quais canais de comunicação você utilizou para registrar suas reclamações, mas caso tenha feito da maneira correta e ainda assim não foi atendido, apoio sua atitude. Sou extremamente a favor dos que adotam tais medidas para reivindicar seus direitos de consumidor. Algumas empresas realmente não respeitam nem valorizam seus clientes ao comercializarem seus produtos ou serviços. Para mim, pelo menos, não é o caso da Runner´s, mas se pisaram na bola com você e outros assinantes, precisam de um “puxão-de-orelha, sim!

    Abraço,
    Kleber RG
    "Vida Corrida" - http://kleber-rg-runner.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. É isso ai Rinaldo! ATITUDE!! meu amigo corredor tb teve problemas de entrega da Runner's...

    temos que utilizar de todos os meios de comuncacao e divulgar seja o que for...

    Valeu, pela contribuicao!! Pri

    ResponderExcluir
  6. PARABENS, PELA ATITUDE!, PROMETEU TEM QUE CUMPRIR.

    ResponderExcluir