segunda-feira, 12 de abril de 2010

Meia Maratona Corpore: prova legal, organização falha

Tinha tudo para ser como as demais edições, mas não foi. A 11ª. Edição da Meia Maratona Internacional da Corpore foi um pouco diferente, com percurso alterado e algumas falhas bem bobas por parte da organização. Mesmo assim, a prova foi boa, com largada cedo (07:30 em ponto), percurso quase totalmente plano e clima muito agradável, com temperaturas próximas dos 15 graus.

As bobagens da organização começaram na entrega dos kits: ao retirar no local (alterado na última semana), o corredor era informado que houvera “um pequeno probleminha” com as camisetas, e que não seria possível retirar antecipadamente. O problema era que o fornecedor alegava que devido ao tempo úmido as camisetas não haviam secado após aplicação das estampas. E o que o corredor tem a ver com isto? Nada, e por isto mesmo viam-se poucas pessoas utilizando a camiseta do evento durante a prova. As camisetas foram entregues um pouco antes da largada, mediante apresentação de um comprovante dado na entrega do kit, e algumas estavam com defeitos.

A largada ocorreu no horário, mas foi ridículo ouvir o narrador pedir palmas, mas “sem gritos” por parte dos corredores. A corneta, é claro, quase não tocou. Isto porque a organização da USP está pegando pesado com esta estória de não acordar os alunos residentes (e com razão) em dias de eventos. A festa, porém, fica prejudicada. O percurso foi alterado desde a última edição, levando os corredores ao martírio de percorrer a Av. Politécnica inteira, ida e volta, nos quilômetros finais. A hidratação foi muito boa, apesar de um único posto de Gatorade e algumas bananas, mas nada de gel de carboidrato.

Aproveitei para descobrir duas novas categorias de corredores, além dos caminhantes e cadeirantes: são os “empurrantes” e “gritantes”. Os primeiros saem empurrando todo mundo para ultrapassar e ganhar alguns segundos inúteis, enquanto que os outros adoram correr e ficar gritando e chamando os amigos. Quase dei uma bordoada na cara de uma infeliz que berrou no meu ouvido, mas achei melhor deixar para lá.

No fim, uma surpresa, algo que se eu tentasse de propósito não iria conseguir: fiz o mesmo tempo da outra meia maratona que aconteceu no mês anterior, apenas 2 segundos abaixo: 02:18:06. Quando vi o relógio, não sabia de dava risada, xingava ou simplesmente aceitava que não melhorei nada. Ou melhor, só piorei, uma vez que a outra era repleta de subidas e descidas, mas tudo bem, mais uma missão cumprida.

E vem aí, o monstro de 42.195 m, também conhecido como Maratona de São Paulo...

Boa semana!

7 comentários:

  1. Amigo Rinaldo., realmente é ridiculo esse lance de não tocar a corneta ., e quando esses alunos cisma de fazer suas festinhas barulhentas , ai pode né ??

    mas meu amigo evento da corpore com o preço exorbitante de inscrição , ter que passar por isso , brincadeira né !!

    Mas valeu ., mais uma missão cumprida parabéns !!!

    ResponderExcluir
  2. é isto ai amigo,,,vai com fé que tudo vai dar certo na maratona..se vc dobrar esta passagem de 21 km vc faz uma maratona de 3h36m12sg;;;;uma maratona de respeito..certo!! abç

    ResponderExcluir
  3. Paga caro e é mal tratado!
    Não concordo com isso. Quando vc chegou tinha o PenseLight ainda? Quando passamos pelas bananas só tinha casca no chão.
    Abraço e parabéns pela prova, não melhorou o tempo, mas tbm nã piorou. Tudo tem o lado positivo. hehe
    Bons treinos para a Maratona.
    Colucci
    @antoniocolucci

    ResponderExcluir
  4. Olha e por isso que esse ano tô resolvendo meu calendário de corridas e um absurdo o que anda acontecendo nessas provas.
    Excelente tempo!

    Bons Kms
    Fabi =D

    ResponderExcluir
  5. Primeiramente, agradecemos por suas colocações diante da Prova da Corpore, a tão queridinha pelos corredores. Estes detalhes fazem sim a diferença .... como assim entregar a camisa na hora??? Desconcentra, atrapalha, sem contar com os corredores malas... poxa a gente treina para caramba e queremos dar o nosso melhor. E olha ai Rinaldo vc abixou 2 segundos, cara isso vale muito na corrida, pode crer.
    Boa sorte na maratona, estaremos lá tb!!! Tudo de bom para ti! pri

    ResponderExcluir
  6. Ah pena que essas coisas acontecem...ainda mais agora que a corrida ta na moda...
    Mas...é isso ai..Parabéns pela prova..
    Bons treinos...
    JU

    ResponderExcluir
  7. Valeu Rinaldo, parabéns pela prova.
    O relato ficou bem bacana também. Teve certas partes que (me desculpe) mas tive que rir. Principalmente o "quase dei uma bordoada", rsrs
    Ficou muito show.hehe
    Mas, em relação ao seu tempo, na minha opinião o que devemos fazer, por sermos amadores, é sempre correr pelo prazer, deixa os recordes para os quenianos.rsrs
    É claro que se conseguirmos uma marca boa, os treinos seguintes parecem que dão ganham um ânimo extra, mas não desanima não, ok?
    Forte abraço e bons treinos pra você aí.


    tutta³³
    www.correndocorridas.blogspot.com

    ResponderExcluir